RESERVE ONLINE QUIOSQUE ONLINE

Hortas de S. Luís

Ainda não descobriu o prazer de caminhar, tem pouco tempo ou andava à procura de uma caminhada curta, fácil e acessível? Então este percurso circular foi criado a pensar em si.

Lavadouro Público

O lavadouro público já teve um lugar de relevo na vida da aldeia. Aí se juntavam as mulheres para lavar a roupa com o indispensável sabão azul-e-branco. Mas o lavadouro era acima de tudo o jornal diário da aldeia, onde se sabiam as novidades, se trocavam mexericos e se cozinhavam as ideias que haviam de prevalecer na opinião pública local.

Marcações

As Pequenas Rotas são sinalizadas com as cores amarela e vermelha. Quando o percurso é coincidente com o Caminho Histórico, as marcas passam a ter três cores: branco, amarelo e vermelho.

Bancos Públicos

Os bancos públicos chamam-se localmente bancos dos velhos. Os bancos são baptizados consoante o grupo que os ocupa – há o «tribunal», a «censura» ou «os críticos», por exemplo. Uma das maiores riquezas se S. Luís está nestas pessoas com mais idade, que guardam memórias, saberes antigos e histórias que vale a pena ouvir.

Serra de S. Domingos

Estenda esta curta caminhada e aproveite para subir à Serra de S. Domingos, o que acrescenta 4 km ao percurso (ida e volta). Com 329 m, é o ponto mais alto da Rota Vicentina e merece o esforço.

Venha percorrer a História do Sw de Portugal


Caminho Histórico

Percorre as principais vilas e aldeias num itinerário rural com vários séculos de história.

Constituído maioritariamente por caminhos rurais, trata-se de uma clássica Grande Rota (GR), totalmente percorrível a pé e de BTT, com troços de montado, serra, vales, rios e ribeiras, numa viagem pelo tempo, pela cultura local e pelos trilhos da natureza.

Em Fevereiro de 2016, o Caminho Histórico da Rota Vicentina foi distinguido com a Certificação Europeia “Leading Quality Trails – Best of Europe”, da responsabilidade de ERA (European Ramblers Association), integrando o lote exclusivo dos melhores destinos de caminhada na Europa.

Inclui um total de 12 etapas e 230 km.

Tome nota:

 

Ficha Técnica

EVITE FAZER O CAMINHO HISTÓRICO DE MOTO OU JEEP. ESTUDE ALTERNATIVAS
230 KM DE CAMINHOS RURAIS PELO LADO MENOS CONHECIDO DA REGIÃO
SINALÉTICA INTUITIVA PARA FAZER TODO O PERCURSO EM AUTONOMIA, NOS DOIS SENTIDOS
12 ETAPAS DE UM DIA, COM UM MÁXIMO DE 25 KM
ALOJAMENTO E OUTROS SERVIÇOS AO LONGO DE TODO O PERCURSO. ESTUDE O MAPA INTERACTIVO
PARA FAZER A PÉ
PARA FAZER DE BTT
GRAU DE DIFICULDADE GERAL: FÁCIL
PERCURSO DISTINGUIDO COM A CERTIFICAÇÃO EUROPEIA "LEADING QUALITY TRAILS - BEST OF EUROPE"
PERCURSO INTEGRADO NA GR 11 / E9, QUE LIGA SAGRES A S. PETERSBURGO
 



Sinalética Caminho Histórico


 

Santiago do Cacém
» Vale Seco
 

18 km

Vale Seco
» Cercal do Alentejo
 

23 km

Cercal do Alentejo
» Porto Covo
 

18 km

Cercal do Alentejo
» S. Luís
 

21 km

S. Luís
» Odemira
 

25 km

Odemira
» S. Teotónio
 

19 km

S. Teotónio
» Odeceixe
 

17 km

Odeceixe
» Aljezur
 

18 km

Aljezur
» Arrifana
 

12 Km

Arrifana
» Carrapateira
 

24 km

Carrapateira
» Vila do Bispo
 

22 km

Vila do Bispo
» Cabo de S. Vicente
 

14 km